Conferências Regionais Unificadas foi realizada no CED

IMG 1552

 Neste sábado (24), foi realizada a I Conferência Regional Unificada dos Direitos Humanos, LGBT e Mulheres, no Centro de Educação a Distância do Estado do Ceará (CED), em Sobral. Este encontro marcou o início das conferências regionais que acontecerão em outras cidades do Ceará: Itapipoca, Crato, Redenção, Aracati e Fortaleza, e teve como objetivo fornecer subsídios para a elaboração do Plano Estadual de Direitos Humanos. Durante o evento foram realizada a eleição dos delegados que participarão da Conferência Estadual de Direitos Humanos em Fortaleza, para defender as propostas que foram pautadas neste encontro.

 Na ocasião foram feitos grupos de trabalho que foram divididos por segmentos: Direitos Humanos, Mulheres e LGBT e em cada um deles foram discutidas propostas relativas a cada política pública, como: Afirmação e Fortalecimento da Democracia; Políticas Intersetoriais, Pacto Federativo, Participação Social e Sistema Nacional de Promoção da Cidadania e Enfrentamento da Violência contra a população LGBT e Contribuição dos Conselhos de Direitos da Mulher e dos Movimentos Feministas e de Mulheres para a efetivação da Igualdade de Direitos e Oportunidades.

 

IMG 1566

Para o coordenador Especial dos Direitos Humanos do Estado do Ceará, Demitri Cruz, Sobral possui dinâmica ativa de movimentos sociais tendo assim grande importância no fortalecimento da pauta dos direitos humanos. "Temos o desafio de estabelecer relação e diálogo com todo o Estado do Ceará e acreditamos que as políticas públicas de direitos humanos precisa dialogar mais, e através dessa aproximação possamos ter uma ação do Estado mais próxima da realidade das pessoas, por isso, a ideia de realizarmos as ´Conferencia Regionais Unificadas - Direitos Humanos, LGBT e Mulheres´, concluiu.

 

Já Narciso Júnior, coordenador estadual de Políticas Públicas para LGBT, destaca que as conferências serão importantes para as discussões sobre temas como diversidade sexual e enfrentamento à homofobia. "As conferências no interior do Estado nos possibilitam mapear os movimentos LGBT, desta forma fortaleceremos as políticas públicas e ampliaremos o diálogo com os movimentos trazendo maior efetividade nas nossas ações", ressalta.

 

Para a coordenadora Especial de Políticas Públicas para as Mulheres do Estado do Ceará, Camila Silveira, destaca que a realização desta conferências em Sobral está sendo muito importante. "Estamos construindo uma ótima relação com os movimentos sociais, esse é o papel das coordenadorias, articular, ouvir, democratizar a fala e acolher as demandas da região, mesmo que seja um público reduzido mais é um público importante", conclui.

 

A conferência regional é promovida pela a Coordenadoria Especial dos Direitos Humanos do Estado do Ceará, a Coordenadoria de Políticas Públicas para as Mulheres e a Coordenadoria Estadual de Políticas Públicas para LGBT, vinculadas ao Gabinete do Governador, em conjunto com o Conselho Estadual de Defesa dos Direitos Humanos, com apoio da da Prefeitura Municipal de Sobral e Centro de Educação à Distância do Estado do Ceará.

 


Outras informações:
www.ced.seduc.ce.gov.br
www.ced.virtual.ufc.br
cedceara.blogspot.com.br
---------------------------------------------------------

24.10.2015

Assessoria de Comunicação do CED
O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Quem somos

A Universidade Federal do Ceará-UFC tem experiência de mais de 40 anos na oferta de cursos de graduação e pós-graduação, pesquisa e extensão.
Com excelente conceito junto à...   Leia mais

Parcerias